Por que devemos evitar as frituras?

É muito comum as pessoas consumirem quantidades exageradas de frituras diariamente. Se você também tem esse mal hábito, veja porque devemos evitar ao máximo o consumo desses inimigos da nossa saúde.

O óleo quente, em ebulição, modifica as propriedades do alimento, transformando-o em uma bomba de glicerídeos e ácidos graxos. Assim, as gorduras insaturadas transformam-se nas temíveis gorduras saturadas, que são muito prejudiciais ao nosso organismo.

Para conquistar uma vida mais longa e saudável, precisamos evitar o excesso de calorias existentes nas frituras. Um grama de gordura contém cerca de nove calorias, transformando o consumidor de frituras em um forte candidato aos riscos da obesidade. Além disso, a gordura saturada também cria uma substância cancerígena chamada acroleína. Quanto mais reutilizado o óleo da fritura, maior é a quantidade de substâncias que fazem mal a nossa saúde.

A fritura também é um dos principais responsáveis pelas doenças cardiovasculares. As pessoas que consomem uma quantidade muito grande de gordura saturada diariamente têm o colesterol ruim aumentado, o que faz aumentar a probabilidade de desenvolvimento das doenças cardiacas.

As fibras elásticas, que conferem firmeza, elasticidade e rigidez à parede arterial, são destruídas quando há consumo excessivo de fritura. Com isso, a pele degenera e as temidas rugas aparecem bem antes da hora.

Para se manter saudável e produzir anticorpos, nosso corpo precisa de uma infinidade de nutrientes, que não são encontrados em alimentos fritos. Desta forma, o melhor a se fazer é deixar as frituras e os alimentos ricos em gorduras para comer apenas de vez em quando. Na maioria dos dias, prefira sempre fazer a ingestão de alimentos saudáveis, como carnes magras, cerais integrais, frutas, verduras e vegetais.

Artigos Populares